Bio

Gostaria de evitar começar com “sempre escreveu desde pequeno”, até porque é uma meia-verdade. Passei por períodos de boa produção e outros, mais longos, em que não queria ou não podia produzir. O fato é que tenho mantido uma produção mais ou menos regular desde 2010 e cheguei até a ser selecionado para coletâneas desde então.

Escritor à noite e finais de semana, desenvolvedor de software durante o dia, peço sempre para ter a mesma garra de um Glen Cook e conseguir conciliar as duas atividades.

Casado com uma mulher maravilhosa que já confessou mais de uma vez não gostar de FC/fantasia, temos uma cadela resgatada de quase 30 kgs. Moramos os três num apartamento. É, eu sei.

Dono de uma lista interminável de livros para ler e ideias para desenvolver, não consigo sequer acompanhar as séries. Estou sempre atrasado com elas, então evito spoilers tanto quanto prefiro não cruzar meu caminho com robôs assassinos, vermes-deuses transdimensionais e unicórnios carnívoros.

Você pode me acompanhar no Twitter (@marcelbreton), Wattpad, Instagram (@bretonmacel) e Facebook.